propuesta para crear en compañía

Modos de criação e de contacto

post


Después del encuentro con la RSD en Salvador Bahía (09/09) eu fiquei muito en la onda de trabajar en red, de conhecer y jugar más con los meios virtuales de relación, e de não perder contatcto. Así mesmo eu estoy procurando uma excusa para não deixar de falar portugés (portuñol), y de comenzar minha pesquiza respecto ao precesso creativo (o processo de creação como objeto de investigación).


Entonces pensé en hacer um trabalho a partir da propia ação de escribir, enviar y recibir mails entre amigas (por ahora todas mulheres) con las que eu quero estar contactada, y de la publicación de esta correspondencia, que es a la vez la publicação do processo creativo y de suas materias: as palabras (los gestos virtuales da gente) e suas informaçoes.

En este enlace vocé va encontrar un fragmento de uma das cartas que yo envié para iniciar este projeto. A fragmentación es justamente uma das cosas para falar aquí.


Ainda no sé exactamente qual puede ser el resultado (sim vai ser uma pieza de danza o performance, um video, uma instalação virtual o uma mistura de todo), mas estoy muito curiosa de lo que ya está acontecendo.

Obrigada a todas as amigas que estan querendo fazer parte de esta experimentación, y a todos los lectores y lectoras de su processo.

z

jueves, 22 de octubre de 2009

La casa le queda chiquita

Una imagen [...]: Alicia en su casa, se come una galleta que la hace crecer y crecer hasta que la casa le queda como un vestido que usaba cuando chiquita. La casa en la que ya no cabemos.


[...]


De Juliana Para Zoitsa

Tunja, Oct. 14, 2009


Ver toda la carta

Escrever no corpo

olá Zoitsa,
pensei numa ação que você poderia fazer onde achasse melhor, na rua, ou numa sala fechada, nos corredores de um prédio, enfim, o lugar não importa, o que vale mesmo é a ação:

escrever no corpo tudo o que você não quer mais, ou seja, o que você já fez muito, e agora não pode mais fazer. E nos pedaços do corpo em que você não consegue escrever, pedir a alguém que o faça.

é isso...
muitos beijos
Ivana

Seguidores

Para experimentar e investigar os modos de criação e de contacto